Pular para o conteúdo principal

Postagens

Durante a copa mais de 100 milhões acompanharam o futebol feminino no Brasil

Postagens recentes

Futebol Feminino Brasileiro: Hoje começa Tokyo 2020. Na verdade, hoje começa a Olimpíada de 2032.

Hoje já começa Tokyo2020.
Na verdade hoje já começa a Copa de 2031 e olimpíada de 2032!
Dia de lamentar foi ontem. Na verdade as mulheres lamentam faz mais de 30 anos e em vão!
Hoje é dia de pensar e começar a construir o futuro!
Devemos pensar e viabilizar hoje no Brasileiro Feminino e nos campeonatos de base até 2024 e pavimentar a estrada de conquistas da Seleção.
Pensar e planejar lá na frente. Criar condições, desenvolver a base, atrair investidores e transformar o futebol feminino em um produto interessante e comercial, bem visto, bem jogado, e que mais organizado permita uma construção de alicerce sólido não só para a seleção mas para que a modalidade pare de depender de migalhas de modo que seja impossível caminhar para trás.
Estamos em 2019 e ainda "mendigamos" apoio, quando deveríamos cobrar gestão adequada e transformação do futebol feminino em produto.
Que observem novas atletas, novos treinadores, novos profissionais das mais diversas áreas, e que mudanças sign…

Copa da França: NA RAÇA, NA GARRA! COM RAIVA!

Os resultados não tem vindo e a Seleção não tem jogado bem! Isso é claro e inquestionável! Mas vem chegando a hora e ninguém vai largar a mão de ninguém!

Vamos torcer, dar ibope, comentar, bombardear as redes sociais e mostrar que, embora existam dificuldades, machismo e ainda "pouca visibilidade", existem milhares de brasileiros e brasileiras que amam, acompanham, entendem e são um público consumidor e que consomem o esporte nas suas mais variadas formas (compra de material esportivo, assinatura de tv, ingresso para jogos e tudo relacionado ao futebol feminino). 
Vamos comentar nas matérias que saírem nas mídias online! Vamos "chamar pra porrada" os jornalistas que ousarem falar mal da categoria!! Vamos fazer o twitter explodir! Vamos SOBRECARREGAR o feed do facebook e instagram de FUTEBOL FEMININO. 
VAMOS TORCER COMO NUNCA!
É momento de torcer como jamais se torceu! De incentivar! De apoiar! De confortar atletas e confrontar os comentários ruins desse monte de ge…

Futebol Feminino: Perdemos para a "poderosa" Escócia

Perdemos para a "poderosa" Escócia e encerramos o "ciclo" de preparação para a Copa com 9 DERROTAS seguidas. 
Um número impressionante para uma Seleção Brasileira de Futebol Feminino.
Tão impressionante quanto a manutenção do treinador no cargo apesar da visível INVOLUÇÃO apresentada pela Seleção. 
O resultado não assustaria tanto se víssemos uma seleção jogando bem, com padrão de jogo, organização tática e que viesse evoluindo. Infelizmente, não é isso que vemos. 
Vemos, já há algum tempo, um Brasil que não se encontrou em campo em momento algum. 
A visão que se tem de fora e que é consenso de muitas pessoas, é que temos uma seleção fisicamente limitada, uma vez que cai visivelmente de rendimento no segundo tempo de todos os jogos, sem organização tática, com uma movimentação de linhas deficiente, sem meio campo e visivelmente frágil emocionalmente.
Vemos uma comissão que se preocupa mais em gritar com a arbitragem em cada lance marcado. E o pior é que fomos vend…

6 motivos para montar uma equipe de Futebol Feminino

Com a necessidade de montar equipes de futebol feminino para que estejam aptos à disputa de competições Sul-Americanas, os clubes se vem em um novo momento e novo mercado. Por isso decidi trazer aqui 6 motivos para os clubes montarem um time de futebol feminino. 
POR QUE MONTAR UMA EQUIPE DE FUTEBOL FEMININO?
A FIFA já declarou diversas vezes que o futebol feminino é o futebol do futuro e vem criando ações para alavancar a modalidade. Mas no Brasil, por qual motivo os clubes deveriam baixar a guarda e investir na modalidade?

Custo benefício

O custo de manutenção de uma equipe competitiva no mercado do futebol feminino capaz de brigar por títulos estaduais, nacionais e sul-americanos é muito menor do que a manutenção de uma equipe masculina para a temporada. Enquanto equipes masculinas da série A investem de 4 a 8 milhões em suas folhas salarias mensais para buscar o título e equipes da série B cerca de 500 mil a 1 milhão, equipes femininas teriam expressivo retorno com investimentos pr…

Futebol Feminino: CBF pode impedir clubes de transmitir suas partidas?

As transmissões dos jogos dos clubes de Futebol Feminino que disputam a série A1 do Brasileiro virou algo polêmico logo na primeira rodada da competição. 
Com a parceria entre Twitter e CBF, os clubes que tentaram transmitir seus jogos acabaram não conseguindo por não deter os direitos de transmissão, mesmo que estes jogos não fossem o mesmo jogo da rodada transmitido pela plataforma (twitter).
O que se tem até agora para quem vê de fora é, única e exclusivamente, a postagem da CBF em redes sociais (não houve nota ou comunicado "oficial) dizendo que fechou um acordo com o Twitter, porém detalhes do acordo não foram divulgados e aparentemente nem mesmo os clubes receberam instruções, uma vez que alguns tentaram transmitir suas partidas via facebook na primeira rodada.!
CBF PODE IMPEDIR CLUBES DE TRANSMITIR SEUS JOGOS?
Pensando pela lógica, creio que enquanto a CBF não apresentar o Contrato de Direitos de Transmissão com as regras vigentes de seu
acordo com o Twitter informando ao…

Retomado desde 2013, Futebol Feminino não deslancha no Brasil pelo simples fato de que não é planejado

Desde o lançamento do Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino, em 2013, a proposta era de desenvolver a modalidade, atrair público e tornar a modalidade um produto atraente. 
Seis anos depois a modalidade ainda caminha sem ações coordenadas e sem alcançar os objetivos "básicos" determinados "de boca" no primeiro ano. 
A partir do momento que a competição foi para as mãos da entidade máxima de gestão do futebol nacional e sua parceira (tão logo que foi criada pelo Ministério do Esporte 2013), pouco se soube sobre a modalidade e sobre um planejamento estruturado de futebol feminino que pudesse propiciar o desenvolvimento da modalidade de forma concreta e significativa.
A falta de divulgação de um plano de ação adequado para a modalidade não é por uma questão de sigilo, mas na verdade pelo fato de provavelmente nunca ter existido.
Ao longo dos anos muito ouvi sobre a modalidade não dar retorno, a modalidade não dar dinheiro, futebol feminino não ser interessante e …