Pular para o conteúdo principal

Rio de Janeiro e suas "veias e artérias entupidas" - Como o transporte do Rio de Janeiro irá suportar a Copa de 2014 e as Olimpíadas 2016?

O Rio de Janeiro está prestes a sediar eventos de enorme importância do mundo esportivo.

Já foi comentado sobre isso anteriormente, mas vale a pena levantar mais uma vez esta questão.


Como o transporte do Rio de Janeiro irá suportar a Copa de 2014 e as Olimpíadas 2016?


O transporte público do estado está mergulhado no caos. Caos este que os cariocas enfrentam todos os dias seja no ônibus, no trem, no metrô ou até mesmo no "conforto" de seus carros (que se tornam completamente desconfortáveis após uma hora de engarrafamento).

Quem depende do transporte público enfrenta uma "olimpíada" diária para se deslocar de casa para o trabalho e do trabalho para casa.


Trens e metrô lotados a ponto de não conseguir adentrar a composição. Ônibus que além de lotados e em mau estado de conservação, percorrem as péssimas ruas e estradas que parecem artérias congestionadas.


Como todos sabemos, no corpo humano, o congestionamento de veias e artérias pode atingir órgãos nobres como o coração e cérebro, e é assim que vemos a situação do transporte no estado do Rio de Janeiro, não só pelos eventos esportivos que virão, mas porque a melhoria do transporte acarreta em qualidade de vida, uma vez que se perde menos tempo no deslocamento diário. Deslocamento esse que acaba se tornando mais estressante do que o próprio dia  de trabalho do cidadão carioca.

Ou o Rio de Janeiro começa a colocar em prática um projeto de melhoria para evitar que "suas artérias e veias" fiquem cada vez mais congestionadas, ou então não só os eventos esportivos, mas também o estado, sofrerá severas limitações e a cada dia mais, uma difícil recuperação.

Comentários