Pular para o conteúdo principal

Marta se torna maior atleta da história do futebol, mas título não significa nada no Brasil

Futebol Feminino: Algarve Cup - Portugal 2013 - De 06 a 13 de março

Várias seleções vão demonstrando a busca pela renovação e vão testando novas atletas.

Essa competição forte que seria muito interessante também para a Seleção Brasileira, mas amistosos somente com a equipe principal em nada adiantam se não estiver sendo realizado um planejamento global visando o desenvolvimento da base e do futebol feminino, algo que podemos dizer que nunca aconteceu no Brasil.

Nesta 20ª edição da Algarve Cup, a região do Algarve voltará a acolher uma das mais emblemáticas provas do Futebol Feminino, mais uma vez abrilhantada pelas presenças das potências mundiais da Alemanha - Campeã da Europa em 2009 -, Estados Unidos da América - Campeã Olímpica em 2012 - e Japão - Campeã do Mundo em 2011, entre outras como Islândia, Suécia, China, México, País de Gales e Hungria..

Confira as convocações de Japão, EUA e Portugal:

CONVOCAÇÃO de Portugal - Técnico António Violante 

CA Ouriense/Workfone: Ana Valinho e Pisco;
Clube Albergaria: Catarina Almeida, Jéssica Silva e Mary Bento;
Fundação D. Laura Santos Moimenta da Serra: Filipa Rodrigues;
FCR 2001 Duisburg: Dolores Silva;
GD A-dos-Francos: Cristiana Garcia;
Marítimo: Laura Luís;
Prainsa Zaragoza: Ana Borges, Cláudia Neto e Jamila Marreiros;
PSG: Mariane Amaro;
SU 1º de Dezembro: Andreia Silva, Patrícia Gouveia e Patrícia Morais;
SC 07 Bad Neuenahr: Neide Simões;
SG Essen-Schoenebeck: Ana Leite e Carole;
UC Florida: Andrea Rodrigues;
UTB/TSC: Mónica Mendes;
Valadares Gaia FC: Edite Fernandes;
Vilaverdense FC: Regina Pereira.


CONVOCAÇÃO dos EUA (USWNT) - Técnico: Tom Sermanni 
U.S. Women’s National Team Training Camp Roster by Position
GOALKEEPERS (3): 
Nicole Barnhart (FC Kansas City), 
Ashlyn Harris (Duisburg), 
Jill Loyden (Sky Blue FC)
DEFENDERS (7): 
Rachel Buehler (Portland Thorns FC), 
Crystal Dunn (North Carolina), 
Whitney Engen (Liverpool FC), 
Ali Krieger (Washington Spirit), 
Kelley O’Hara (Sky Blue FC), 
Christie Rampone (Sky Blue FC), 
Becky Sauerbrunn (FC Kansas City)
MIDFIELDERS (8): 
Yael Averbuch (Göteborg FC), 
Shannon Boxx (Chicago Red Stars), 
Lauren Cheney (FC Kansas City), 
Tobin Heath (Paris Saint-Germain), 
Carli Lloyd (Western NY Flash), 
Kristie Mewis (FC Kansas City), 
Heather O’Reilly (Boston Breakers), 
Megan Rapinoe (Olympique Lyonnais)
FORWARDS (5): 
Lindsey Horan (Paris Saint-Germain), 
Sydney Leroux (Boston Breakers), 
Alex Morgan (Portland Thorns FC), 
Christen Press (Tyresö FF), 
Abby Wambach (Western NY Flash)


CONVOCAÇÃO do Japão - Técnico: SASAKI, Norio
Goalkeepers: 
KAIHORI Ayumi (INAC Kobe Leonessa), 
KUNO Fubuki (Iga Football Club Kunoichi), 
YAMANE Erina (JEF United Ichihara -Chiba Ladies)
Defenders: 
IWASHIMIZU Azusa (NTV Beleza), 
SAMESHIMA Aya (Vegalta Sendai Ladies), 
ARIYOSHI Saori (NTV Beleza), 
KAWAMURA Yuri (JEF United Ichihara -Chiba Ladies), 
OSAFUNE Kana (Vegalta Sendai Ladies), 
KADO Yuka (Okayama Yunogo Belle), 
KUMAGAI Saki (1.FFC Frankfurt)
Midfielders: 
KAWASUMI Nahomi (INAC Kobe Leonessa), 
TANAKA Asuna (INAC Kobe Leonessa), 
UTSUGI Rumi (Montpelier HSC), 
YAMAZAKI Marumi (Albirex Niigata Ladies), 
NAKAJIMA Emi (INAC Kobe Leonessa), 
TAKASE Megumi (INAC Kobe Leonessa), 
TANAKA Yoko (INAC Kobe Leonessa)
Forwards: 
OGIMI Yuki (1.FFC Tribune Potsdam), 
OGAWA Shiho (JEF United Ichihara -Chiba Ladies), 
NAGASATO Asano (1.FFC Tribune Potsdam), 
OTAKI Ami (Olympique Lyonnais), 
KYOKAWA Mai (INAC Kobe Leonessa), 
TANAKA Mina (NTV Beleza)

Fonte de informações e pesquisahttp://www.aminhabola.blogspot.pt/

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O futebol feminino parou, mais uma vez, o país do futebol masculino

Sexta-feira, dia 12 de agosto de 2016. 
Às 22 horas, a Seleção Brasileira de Futebol Feminino entraria em campo já sabendo que as seleções de França e EUA foram eliminadas por equipes consideradas azarões.
O Brasil, começou a tarde desta sexta sabendo que, caso passasse da seleção da Austrália, encararia o vencedor de EUA x Suécia. Logo, saber que a seleção americana havia sido eliminada e não teria a chance de ser nosso algoz nas semifinais já era um peso a menos nas costas de nossas atletas.
Iniciado às 22 horas, o jogo contra a Austrália foi uma mistura de tensão e responsabilidade, fatores que aparentemente pesaram muito e que geraram um nervosismo a cada minuto que se passava e a bola não entrava para que o placar ficasse à nosso favor.
No tempo normal, nada de gols. Então que venha a prorrogação!
Ela veio, com mais nervosismo e tensão ainda. Vale destacar que precisamos clonar a Formiga, pois essa jogadora é fora de série e ninguém joga como ela.
O jogo foi rolando, brasileiros…

Tabu ALTURA - Preconceito com goleiros e goleiras ou falta de visão?

Um tema tem sido frequentemente abordado no futebol, tanto no masculino quanto no feminino: Estatura dos goleiros.
Tem sido uma prática comum clubes dispensarem ou não darem a devida atenção a goleiros e goleiras considerados "baixos" para a posição sem que ao menos sejam analisadas algumas características que muitos destes possuem, mas que precisam ser trabalhadas. Um goleiro de 16 anos e 1,79m é considerado pequeno, assim como uma goleira que tem 18 anos e 1,70m por exemplo! E isso acontece com atletas de menor idade, como exigências de clubes de que goleiros devem ter 1,80m ou 1,90m com 13 anos!

E qual seria o problema: 
Preguiça associada a busca de um jogador ou jogadora prontos para o clube ganhar dinheiro "sem ter trabalho"? 
Ou a intromissão de cartolas que mal entendem sobre futebol e estão preocupados apenas com seus bolsos e seguem assim padrões de escolas internacionais, e por pouca inteligência neste quesito, perdem profissionais (goleiros e goleiras) q…

Pra chegar onde ninguém chegou é preciso fazer coisas que ninguém fez!

Pra chegar onde ninguém chegou é preciso fazer coisas que ninguém fez!

É preciso acreditar em você em seu sonho! É necessário ter foco!
O que diferencia o vencedor do perdedor é que o vencedor decidiu seguir em frente mesmo quando a vida lhe bateu com força e pareceu até lhe faltar chão. O vencedor caiu e levantou quantas vezes foi necessário e acreditou no seu potencial mesmo quando ninguém acreditava em seus objetivos.
É preciso saber onde se quer chegar e o que é preciso fazer para chegar até lá. 
O caminho não é fácil! A trajetória é cheia de obstáculos, mas é preciso seguir em frente, fazer ajustes no seu planejamento de como chegar até lá, mas nunca mudar seu foco. 
Eu sei o que quero, sei onde quero chegar e sei o que preciso fazer pra alcançar meus sonhos. 
As vezes é preciso estar acordado enquanto os demais dormem, é estar em casa estudando, indo a eventos e se atualizando enquanto muitos estão em festas e curtindo o fim de semana. É preciso abrir mão de muitas coisas para i…