Pular para o conteúdo principal

FUTEBOL FEMININO: Entidade de administração do futebol brasileiro "nas cordas"!

Como vemos de costume nas lutas de boxe quando um adversário é posto contra as cordas e o adversário vai para cima afim de nocauteá-lo!

Essa é uma cena que resume bem a situação do Futebol Feminino Brasileiro e a entidade que o administra.

FIFA, CONMEBOL, Governo Federal (Ministério do Esporte e Presidente da República) e atletas querem mudanças e existe um forte trabalho para isso!

O tom não é de guerra e sim de união por parte das demais partes que tentam de forma amistosa transformar e dar dignidade ao futebol feminino Brasileiro e suas praticantes. 

Agora, a Entidade de Administração Do Desporto no Brasil tem que escolher se continua resistindo às investidas ou se joga a toalha e finalmente firmar parcerias para desenvolver o esporte no país.

É simples solucionar as questões do futebol feminino. Trabalhoso sim, mas simples!

Agora é esperar para ver o que vai acontecer, mas é fato que o adversário mais cansado, por mais que resista nas cordas e tente lutar, ou é nocauteado ou perde por pontos no final.

Ter humildade e jogar a toalha ou manter a resistência ao assunto Futebol Feminino e ser nocauteado?

A escolha agora depende só de quem está nas cordas, porque quem está do outro lado só quer a vitória da modalidade e não vai mudar a postura, afinal é uma causa simples, justa e merecida de ser defendida.

Comentários

  1. NESTE PAIZ
    QUE NO HINO DESSI DEITADO ETERNAMENTE EM BERÇO ESPLENDO ESTAO OS GIGANTES CHEIO DE ENTERESO PROPRIO
    ESTE GIGANTE NAO VER O FUTEBOL FEMININO COM BONS OLHOS; PORQUE ELE NAO NASCEU DE UMA MULHER NAO TEM IRMA NAO TEM AMOR POR UMA MULHER

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Deixe seu comentário, opinião, dúvida ou sugestão! Um abraço, Edu Pontes!