Pular para o conteúdo principal

OS PAIS E OS FILHOS - A "PROTEÇÃO" QUE MACHUCA E DESTRÓI SONHOS

As vezes os pais se preocupam tanto em "proteger" seus filhos do "mundo cruel" que machucam seus filhos mais do que o mundo.

Os filhos esperam dos pais apoio, força na luta por seus sonhos!

Tudo bem que o mundo já machucou eles, os pais, algumas vezes, que as pessoas já lhes enganaram, se aproveitaram de uma ingenuidade e isso eles não querem para seus filhos.

Mas estes que hoje são os pais precisaram passar por aquelas situações para aprender. Precisaram sentir a dor para amadurecer e aprender a ver o mundo e as pessoas com outros olhos. Olhos que, por mais que recebessem dicas e recomendações de cuidado, eles não tinham até passar pela situação.

Se seu filho tem um sonho, seja seu amigo, aconselhe-o, mas deixe-o viver aquilo. E se ele se machucar, esteja de braços abertos para lhe confortar!

Eu sei muito bem do que estou falando, porque eu tive em casa um pai que nunca me apoiou muito nos esportes e que me falou coisas terríveis. E tenho uma mãe que SEMPRE esteve de braços abertos quando meus sonhos davam certo ou errado.

A dor de tentar e não dar certo é passageira e ajuda a amadurecer. Já a dor de ter tido a oportunidade e não ter arriscado, fica aberta e dói para sempre!

Eu já contrariei meu pai para tentar alcançar meus sonhos. Alguns não deram certo, e mesmo assim trouxeram resultados que nem eu imaginava. Outros deram "certo" dentro do que eu esperava, mas me mostraram outras coisas e outras oportunidades que eu não enxergava e que me mostraram que aquele ali não era meu real sonho.

Só aprendi porque tentei! Só amadureci porque errei tentando! E nunca terei o arrependimento de não ter tentado! 

Tentei e tento quantas vezes quiser, mesmo que só eu acredite no meu sonho! Sem medo de errar, sem medo de tentar!

Deixe seus filhos sonharem! Deixe seus filhos tentarem! Ganhe a admiração deles por deixá-los ir, e estar de braços abertos quando precisarem voltar!

Não os faça levar durante a vida o pensamento de que não deu certo porque O PAI ou A MÃE (ou os dois) não lhe deixou tentar! 

Mesmo sem apoio de um dos meus pais eu tentei, e não me arrependo, mas com certeza me dói não ter tido o apoio quando eu precisava e seu filho com certeza não quer levar isso com ele, assim como você não vai querer ser cobrado por isso lá na frente!

Se seu filho sonha, seja o porto seguro. Sua base onde ele sabe que pode partir, mas que poderá voltar sendo recebido com bandeiras e festa independente dele ter vencido ou perdido a batalha!

Comentários

  1. Esse texto me fez lembrar uma história aqui na minha cidade. Um amigo de meu pai, cara classe média alta, tinha um filho que o sonho dele era ser jogador de futebol. E conseguiu passar na peneira do Grêmio. Pai deixou, mas foi viver a vida de mais um menino que vai tentar a sorte no futebol. Nada de Ap montado em Porto alegre, foi pra o alojamento da molecada, dormir em beliche debaixo das arquibancadas do antigo olímpico. Vida de ralação, sem luxo, nada de filhinho do papai.
    Tempo passou, o moleque se profissionalizou, mas o Grêmio não o quis mante-lo no time principal, emprestou(ou vendeu não sei bem dizer) ao Juventus da mooca.. Pai foi visita-lo e mandou a real. "E aí rapaz, quer seguir essa vida, será que é essa vida que você quer ser mesmo, andarilho, sem estabilidade ou quer vir trabalhar comigo? Teu sonho eu deixei você realizar, mas será que você quer permanecer nesse sonho?"
    Isso pra mim é ser pai.Deixar as portas abertas pra sonhar e voltar.

    Edu, venha pra cá meu caro, tua vaga tá reservada

    https://www.facebook.com/groups/660339520662883/

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Deixe seu comentário, opinião, dúvida ou sugestão! Um abraço, Edu Pontes!