Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Março, 2016

"Série": Escrevi no Twitter... Esporte e mais em 144 caracteres

Estou começando hoje uma "série" de textos novos que vão trazer para o blog exatamente postagens que publiquei no meu twitter naquele pequeno espaço de 144 caracteres, cheio de abreviaturas e alguns termos do internetês nosso de cada dia. 
No twitter geralmente eu faço diversos comentários sobre diversas coisas, mas a principal é sempre o futebol.  Então, se você estiver interessado, segue lá twitter.com/Edu_pontes e acompanhe e resenhe comigo por lá!
Esta "série" não terá dia fixo! Vou trazê-la de acordo com o que eu for escrevendo!
Então, acompanhem algumas das postagens de hoje:

O problema de alguns clubes brasileiros hoje é que pagam aos atletas muito mais do que boa parte merece receber pelo futebol apresentado!
Sempre disse aqui que sou a favor de uma gestão onde clubes tenham piso e teto salarial e pequenls bônus por metas alcançadas!
De que adianta ter base e não revelar atletas para o time principal. Do que adianta vender camisa e o gasto com atletas ser a…

Utilize o futebol feminino como ferramenta e não esqueça de pagar sua autonomia

O futebol feminino no Brasil ainda está muito longe de ser uma profissão e meio de vida estável e que proporciona à grande maioria que pratica a oportunidade de viver do esporte.
Porém, a modalidade, pode ser uma ferramenta para auxiliar em outras questões como por exemplo, a ponte de ligação com os estudos.
O futebol de campo não tem espaço nas escolas e grande parte das universidades, porém o futebol de salão pode ser uma possibilidade. Lembrem-se também que existe o Brasileiro Feminino Universitário e as Olimpíadas Universitárias - Universíades. Mesmo apesar de sabermos que a Universíade é um castelo de cartas marcadas, o que torna mais difícil ainda uma seleção real e meritocrática de atletas para participar das competições.
O futebol/futsal pode lhe proporcionar bolsas de estudos de até 100% em escolas e universidades brasileiras e essa é uma das coisas que você atleta deve levar em consideração e buscar: a educação através do esporte.
Existem ainda a possibilidade de jogar fora…

Futebol Feminino - Meninas do Sub-17 do Brasil se classificam para o mundial

Nesta quinta-feira (17/03) as meninas da Seleção Brasileira de Futebol Feminino sub-17 bateram a Colômbia pelo placar de 2 x 0, em jogo válido pela segunda rodada da última fase do Sul-Americano sub-17, e garantiram assim a vaga no Mundial da Jordânia que acontece entre os dias 30 de setembro e 21 de outubro de 2016.
Esta é a primeira competição feminina realizada em um país árabe.
Com o resultado alcançado as meninas do Brasil chegaram ao quadrangular final com seis pontos e liderando parcialmente o grupo. 
O próximo compromisso da Seleção Feminina será no domingo, dia 20, às 10h30, diante das anfitriãs Venezuelanas.
Boa sorte meninas e parabéns pela classificação.

Futebol Feminino - Vasco, Bangu, Karanba e mais na Taça Cidade de Nova Iguaçu 2016

Mais duas equipes confirmaram participação na Taça Cidade de Nova Iguaçu de Futebol Feminino em 2016 que terá inicio no dia 02 de abril próximo. Projeto Karanba que vai disputar nas categorias de adulto e sub 17 e o SEVEN que esta garantida no adulto.
O Projeto Karanba desde o ano de 2012 vem participando da Taça Cidade de Nova Iguaçu de Futebol Feminino disputando quatro finais, sendo uma na categoria sub 17 em 2012, e chegando nos últimos três anos consecutivos na decisão da categoria adulto (2013 a 2015).
Outras três equipes já haviam confirmado participação na competição, CR Vasco da Gama, Bangu e EC Nova Cidade.
A Liga de Desportos de Nova Iguaçu aguarda até o dia 18 de março a confirmação das equipes que manifestaram interesse em disputar a Taça Cidade em 2016 para divulgação da tabela e do regulamento que irá acontecer na próxima semana.
Matéria de:http://ldni.blogspot.com.br/

Futebol Feminino - Brasil encara Canadá em amistosos para a Olimpíada

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) anunciou que a Seleção Brasileira de Futebol Feminino realizará dois amistosos com o Canadá em preparação para os Jogos Olímpicos de 2016.
Os jogos serão nos dias 4 e 7 de junho nas cidades de Toronto e Ottawa. 
Boa sorte meninas do Brasil e que esses amistosos auxiliem na preparação rumo ao objetivo do ouro na Rio 2016.

Futebol Feminino - Meninas da sub-20 do Brasil tem adversárias definidas no Mundial

A seleção brasileira sub-20 de futebol feminino já tem seu grupo e adversários definidos no mundial da categoria.
O Mundial de Futebol Feminino sub-20 será disputado em Papua Nova-Guiné, de 13 de novembro a 13 de dezembro. Nesta quinta-feira, foram sorteados os grupos, na sede da Fifa, em Zurique. 
Brasil fará a abertura contra a seleção de Papua Nova-Guiné. 



Grupo A Papua-Nova Guiné Brasil Suécia Coreia do Norte
Grupo B Espanha Canadá Japão Nigéria 
Grupo C França Estados Unidos Gana Nova Zelândia
Grupo D Alemanha Venezuela México Coreia do Sul

Times têm dificuldades de incentivar futebol feminino

Li em matéria do jornal O EXTRA que "a exigência do incentivo financeiro ao futebol feminino para a permanência no programa de modernização da gestão e de responsabilidade fiscal do futebol, o Profut, desafia a capacidade de os clubes cariocas se adaptarem à lei".
Infelizmente não é um desafio à capacidade dos clubes cariocas não! É um desafio a capacidade de todos os clubes "de camisa" do futebol masculino do Brasil e ainda de alguns clubes tradicionais do futebol feminino.

Segundo declarou o vice-presidente das categorias infantojuvenis do Vasco "é muito caro manter uma equipe profissional feminina, e acho difícil a categoria decolar, mesmo com o Profut".

Essa é uma declaração que surpreende pois gostaria muito de entender como é "mais barato" manter nas equipes de futebol Brasil a fora jogadores com salários mensais que variam de 50 a 150 mil reais, em que estes jogadores pouco acrescentam tecnicamente a seus clubes, sem contar o que re…

Com renomadas equipes do Futebol Feminino, liga sub-20 é confirmada

Competição será realizada entre os meses de março e junho e ainda terá outros times tradicionais do futebol brasileiro, como Coritiba e Criciúma
Com presença de doze clubes, incluindo Vasco da Gama (RJ), Coritiba (PR) e Criciúma (SC), a I Liga Feminina de Futebol Sub-20 do Brasil será realizada entre os meses de março e junho. A primeira fase do torneio conta com jogos em Fortaleza, São Paulo, Rio de Janeiro, Criciúma e Curitiba e reúne, além dos três clubes já citados equipes tradicionais do Futebol feminino como o Aliança (GO), Caucaia (CE), Iranduba (AM), Juventus (CE), Duda/Canoas (RS), Foz Cataratas (PR), Adeco (SP), Ferroviária (SP) e São José (SP)
A competição será realizada em quatro fases, sendo que na primeira fase os clubes serão divididos em três grupos com quatro equipes cada. As equipes se enfrentam em dois turnos e as duas melhores equipes, mais as duas melhores terceiras colocadas, avançam para a segunda fase, chamada de quadrangulares finais. Nessa etapa, os times …

Futebol Feminino: Seleção sub-17 em busca de mais um título Sul-Americano

O Campeonato Sul-Americano Feminino Sub-17 de 2013 foi a IV edição deste torneio; foi realizado no Paraguai entre 12 de setembro e 29 de setembro de 2013 na cidade de Assunção.
Os três primeiros lugares ganharam uma vaga na Copa Mundial Feminina de Futebol Sub-17 de 2014, disputado na Costa Rica, cujas seleções foram: Venezuela (campeã), Colômbia (vice-campeã) e Paraguai (terceiro colocado).
Os Campeões:  2008: COLÔMBIA 2010: BRASIL 2012: BRASIL 2014: VENEZUELA
A EDIÇÃO 2016

No Sul-americano sub-17 2016 a seleção brasileira de futebol feminino garantiram o primeiro lugar do grupo, alcançando 10 pontos após empate com a Colômbia na última partida (somando 3 vitórias e 1 empate).
No Grupo A, Venezuela e o Paraguai já haviam se classificado para a fase final e aguardavam as decisões do Grupo B.
Com a ultima rodada, os confrontos ficaram definidos. Veja abaixo:
14/3 (segunda-feira) - 10h30 - Brasil X Paraguai
14/3 (segunda-feira) - 12h45 - Venezuela X Colômbia


Dia 17 (quinta-feira)o Brasil …

Futebol Feminino: América terá primeiro time profissional de Minas Gerais

O América é o primeiro clube de Minas Gerais a ter um time de futebol feminino profissional. A decisão foi confirmada pela diretoria e as atletas vão passar a ter carteira assinada e contrato registrado na Confederação Brasileira de Futebol (CBF). 
O time feminino do América contra atualmente conta com 25 atletas. Destas, 21 serão profissionalizadas, uma está sendo observada no grupo e três são menores de 16 anos e não podem ter a carteira assinada. 
A profissionalização das jogadoras faz parte de um compromisso assumido pelo clube quando da adesão ao programa do Governo Federal para o refinanciamento de dívidas, o Profut. 
Para aderir a este programa, o alviverde precisaria investir no futebol feminino. O custo para manter uma equipe feminino gira em torno de R$ 40 e R$ 50 mil. 
Vice-campeão mineiro, o América se prepara para a disputa da Copa BH, que tem previsão para começar no dia 20 de março, e do Campeonato Mineiro, que inicia em agosto. O clube ainda poderá garanti…

Falta de comunicação? Treino do Iranduba na Arena AM é cancelado, e jogadoras protestam

Sem saber que gramado não poderia ser utilizado por causa de manutenção, atletas foram ao estádio treinar. Administração do estádio crê em falha de comunicação

Por Marcos Dantas - Manaus, AM

O time feminino do Iranduba, que se prepara para a segunda fase do Campeonato Brasileiro, teve um treinamento na Arena da Amazônia, marcado para a tarde desta sexta-feira, cancelado. O problema é que sem saber do cancelamento, as jogadoras foram ao estádio, onde acabaram sendo informadas de que o trabalho não poderia ser realizado. O grupo protestou via rede social na internet. A Secretaria de Esporte Juventude e Lazer (Sejel) atribuiu o episódio a uma falha de comunicação.
Uma das principais jogadoras do clube, a volante Djenifer Becker postou um desabafo reclamando da forma como, segundo ela, o futebol feminino é tratado. Ela fala em falta de respeito com time, do uso da equipe como "cobaia de político" e pediu até mesmo o retorno dos treinamentos ao Estádio da Colina, onde o…

Futebol Feminino: EUA conquista a She Believes Cup 2016

Enquanto a Seleção Brasileira de Futebol Feminino disputava a Copa Algarve, a Seleção Feminina dos Estados Unidos também se preparava pensando na Olimpíada do Rio de Janeiro e disputou a "She Believes Cup" com as fortes seleções da Inglaterra, Alemanha e França.
A Seleção americana venceu seu primeiro jogo contra a Inglaterra (1x0), França (1x0) e sagrou-se campeã ao derrotar a seleção alemã pelo placar de 2 x 1, de virada, com gols de Morgan e Newis. O gol alemão foi marcado pela Anja Mittag.
Além do título da equipe americana, Morgan ganhou prêmios Bola de Ouro e  Chuteira de Ouro do torneio, enquanto Hope Solo foi premiado com o Luva de Ouro depois sofrer apenas um gol em três partidas.
A seleção dos Estados Unidos volta a campo nos dias 6 e 10 de abril, em amistoso contra a seleção da Colômbia, jogando em Connecticut e Pennsylvania, respectivamente.
A seleção americana está há 9 jogos sem perder em 2016, com 32 gols marcados e apenas 1 gol sofrido.

Brasil perde para o Canadá e conquista a prata na Copa Algarve

Em preparação para a Olimpíada do Rio 2016, a seleção brasileira de futebol feminino participou da Copa Algarve, em Portugal.
A Seleção enfrentou as equipes de Portugal, Nova Zelândia e Rússia e encarou o Canadá na final.
Em um jogo disputado Brasil errou mais e acabou sendo derrotado por 2 x 1. Zadorsky e Beckie marcaram para o Canadá e a atacante Cristiane descontou para o Brasil.

O Brasil fez 3 jogos na fase de grupos, obteve 3 vitórias, marcou 7 gols, sofreu apenas 1 e alcançou os 9 pontos.
Agora é utilizar as informações e estatísticas da seleção nessa preparação e na copa Algarve para corrigir erros e fazer os ajustes necessários pensando no Ouro olímpico inédito que a seleção pode conquistar no Brasil.

Ainda na fase de preparação, em junho a Seleção brasileira encarará amistosos contra a seleção do Canadá.
AS SELEÇÕES QUE ESTARÃO NA OLIMPÍADA DO BRASIL: Brasil, Austrália, China, África do Sul, Zimbábue, Canadá, Estados Unidos, Colômbia, Nova Zelândia, Alemanha, França e Suécia

Futebol Feminino: COM OURO ou SEM OURO em 2016 - o que vamos ouvir?

Se ao fim da olimpíada o Brasil não conquistar a sonhada medalha de ouro olímpica:
- a CBF provavelmente afirmará que foi dado tudo para a devida preparação para esta competição e que infelizmente não conseguimos (mesmo sem contabilizar os muitos anos de nenhuma gestão e planejamento para o desenvolvimento da modalidade como um todo, fato que a meu ver também é responsabilidade da entidade nacional de administração do futebol).
- As atletas, por sua vez, afirmarão a mesma coisa e farão aquele discurso de que a mídia não apoia, que ainda falta estrutura, que a modalidade sofre preconceito, etc etc etc. (Leiam o texto antes de começar a reclamar)
- Profissionais do meio que estão fora da seleção criticarão o grupo atual, falarão mal dos profissionais da seleção e afirmarão que se fossem eles que estivessem no lugar, teria sido diferente (apesar apesar de que quem entra sempre comete algum erro criticado de outros no passado).
- A mídia vai cair em cima, porque o importante é vender jorn…